SUCESSO GÁS

SUCESSO GÁS
SUCESSO GÁS

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

HOMEM É CONDUZIDO A DELEGACIA SUSPEITO DE TENTATIVA DE ESTUPRO DE 3 CRIANÇAS SENTO UMA DE 3(três),4 (quarto),6 (seis) ANOS DE IDADE

A Polícia Militar comandada pelo Sargento Mochel prendeu na tarde de hoje, quinta-feira (19), o indivíduo identificado como Ismael Henrique Flores, 50 anos de idade, suspeito de tentativa de estupro.

O conduzido foi agarrado por populares na Rua Frederico Leda.  Segundo informações de familiares das vítimas, o mesmo é suspeito de tentar estuprar 3 (três) crianças, sendo de uma de 4 (quarto) e 6 (seis) anos de idade que são irmãs e uma menor de 9 (nove) anos de idade, ambas vizinhas amigas.

A tentativa segundo os parentes das crianças teria acontecido na manha de desta quinta-feira (19), no bairro Pantanal, zona periférica de Bacabal.

Na delegacia, Ismael disse ser natural da cidade de Porto Alegre, capital de Rio Grande do Sul. O mesmo não apresentou nenhuma documentação e negou todas as acusações que foram feitas contra ele. O mesmo disse ainda; “Que as meninas o chamaram para pegar castanha em um matagal no bairro Pantanal”. Versão que foi desmentida pelas vítimas.

A mãe das duas irmãs, que não quis se identificar, relatou a nossa equipe de reportagem, que a filha dela teria dito que; “Ismael as mandou Baixar as roupas”.  No entanto, a garota de 9 (nove) anos de idade ao ver toda situação, correu e avisou para a mãe das garotas, que foi de imediato com o tio das crianças no local onde estava acontecendo a tentativa de estupro, sendo que ainda chegaram a ver as crianças de roupas abaixas e Ismael fugindo do local.

Durante toda manhã desta quinta-feira (19), familiares estavam à procura do Ismael, que foi agarrado e linchado por populares por volta das 15 horas, em seguida entraram em contato com a Polícia Militar que conduziu o mesmo a delegacia do 1º distrito policial, onde será ouvido pela Delegada Maria Augusta que tomará as medidas cabíveis que o caso requer.

Foi encontrado com Ismael uma carteira de habilitação em nome de outra pessoa Alexandro Lima de Araújo, que segundo ele teria encontrada em um posto e iria colocar no correio, pois estava vencida. Fonte: Blog Falando serio bacabal

Vereadores pressionam Cemar sobre alta da tarifa de energia elétrica

Em audiência pública realizada na Câmara Municipal de Imperatriz na manhã desta quinta-feira (19), que contou com a presença de promotores, todos os vereadores (apenas dois faltaram por motivo de doença), representantes da Cemar, imprensa e a galeria completamente tomada pela população, foram deliberadas questões contrárias e a favor dos aumentos absurdos nas contas de energia

Enio Leal, gerente de Regulação da Cemar, iniciou a sessão falando dos 12,88% de aumento praticados desde agosto e chamou de regularização tarifária baseada nos aumentos de investimentos e custos. O diretor alegou os mais de 12 mil empregos, call center e uma das maiores unidades consumidoras do Maranhão como justificativa aos aumentos que foram todos revestidos em investimentos. “Noventa por cento dos consumidores são clientes residências e 40% desses são de tarifa social. Tivemos mais de 12 bilhões de investimentos em 4 anos”, disse.         

Segundo o diretor da empresa, a Cemar apenas aplicou o reajuste nas tarifas. “Todo o aumento foi utilizado em comprar e fornecer energia. Hoje damos 65% de desconto para consumidores de baixa renda (tarifa social); 12 mil consumidores tem esse direito em Imperatriz, mas não foram em busca do cadastramento através da prefeitura, por isso se vê tanto descontentamento”, tentou justificar.

De acordo com sua explicação, além dos 12,88% , está sendo aplicado o maior percentual de bandeira tarifaria, imposto pelo governo federal para custear o nível baixo dos reservatórios de hidrelétricas em todo o país, ou seja, a população daqui está realmente pagando pelo que não consome.

Sandro Bíscaro, promotor da Defesa do Consumidor, disse que a responsabilidade com o povo é muito grande e é preciso saber se esses reajustes que foram autorizados estão realmente sendo necessários. “O saldo está sendo muito negativo para a população e temos que defender o povo desses abusos. Temos respeito a tudo que está acontecendo porque trata-se de uma empresa séria, e teremos responsabilidade com o que for feito, mas iremos sim fazer todos os levantamentos e dar conclusões efetivas ao público”, garantiu.
 
O promotor pediu que os talões das contas sejam recolhidos para serem submetidos a pericia contábil e técnica, assim como sugeriu que a Câmara Municipal também solicitasse ao Ministério Público a aferição dos medidores residenciais.

O presidente da sessão, vereador Aurélio Gomes (PT) disse que a casa acredita e confia no Ministério Público, “pois este e a Câmara de Vereadores são a válvula de escape da população”.

“É inadmissível que as mesmas casas, os mesmos consumos e o mesmo seguimento de pessoas tenham suas contas triplicadas. Não é possível que essa situação seja normal”, protestou o vereador Carlos Hermes (PCdoB)

Espaço para a voz do povo

Sílvio Sousa, da Associação Viva Deus, da Estrada do Arroz, Wanderley Rodrigues, Antonio Padeiro, Zezé Barros e vários representantes tiverem espaço para falar, onde pediram que a Câmara de Vereadores visitasse as casas das comunidades. “É uma vergonha termos que nos humilhar para usufruirmos de energia elétrica”, afirmou Wanderley Rodrigues.

As associações de bairros e residências de baixa renda alegam que estão pagando contas de ate R$ 500. Segundo elas, a Cemar não respeita a população e nem a Câmara de Vereadores, pois a empresa troca medidores e as contas estão triplicando.

Pronunciamentos

Rildo Amaral (Solidariedade) afirmou: “Que façamos o mesmo que o Amazonas e o Tocantins fizeram, vamos derrubar a tarifa vermelha com a ajuda do Ministério Público que está sendo ‘assanhado’ por toda a população. Só pegar e comparar talões de luz não irá resolver nada. A Cemar está fazendo as pessoas não terem nem como usar ventilador, vão ter que se abanar”.

Terezinha Soares (PSDB) criticou a posição da empresa: “A Cemar é convocada para esta casa e diz que não pode vir, quando vem não nos dá respostas satisfatórias. Estão triplicando as contas. A única coisa que fazem é procurar coisa errada nas casas das pessoas e os funcionários ainda fazem deboche”.

Chiquim da Diferro (PSB) cobrou resultados práticos da audiência: “Essa audiência pública tem que ter resultado hoje. Queremos que a Cemar nos dê respostas e não que fique trazendo dados. Não estão cumprindo nem a lei de não cortar energia nos fins de semana ou que esteja sem ninguém em casa. Lei aprovada pelos vereadores e sancionada pelo prefeito. Não respeitam o povo, nem esta casa e nem o gestor do município”.

Zesiel Ribeiro (PSDB)  questionou a empresa:  “A Cemar tem dificuldade de cumprir legislação que beneficia o povo. Residenciais de baixa renda onde tem contas de R$ 500 reais. Tenho dó dessa empresa, que tem na sua missão a  “obstinação pelo lucro”.

Bebé Taxista (PEN) condenou os procedimentos da Cemar: “O que leva a Cemar a cortar energia sem obedecer a lei? Mostram que a lei e essa casa não valem nada. Porque trocam os relógios? Onde há a explicação dessa necessidade? Quem determina isso? Porque o consumo aumenta em seguida? Os relógios não são adulterados pelos moradores, mas pela própria Cemar para aumentarem as contas. É vergonhoso”.

Carlos Hermes (PCdoB)  mostrou vários exemplos de tarifas abusivas. “Uma senhora veio me procurar e disse que na sua casa a conta dobrou, aumentou mês a mês. Em junho pagava R$ 333 reais e agora paga R$ 632 reais com as mesmas luzes, os mesmos aparelhos e as mesmas pessoas morando. Como alguém que ganha um salário mínimo vai poder ter energia em casa? Ninguém aguenta tanta pressão e humilhação”.

Ricardo Seidel (REDE) também não poupou críticas à Cemar: “Senhores da Cemar, todas as casas são medidas ou vocês fazem uma média para poder chegar a esses valores?

Não existem funcionários suficientes para medir as milhares de casas de Imperatriz. Estão apenas atribuindo valores e o povo sendo massacrado. Proponho chamarmos o Inmetro e abrirmos uma aferição nos medidores de Imperatriz”.

Maura Barroso (PROS) alertou para o prejuízo na economia doméstica das comunidades de baixa renda: “Moradores de bairros carentes estão pagando mais que o dobro dos valores que sempre pagaram. Estão tendo que deixar de comer, comprar remédio e roupa pra vestir”.

Ditola (PEN) quis saber a razão dos aumentos: “Quero saber por que todas as contas de Imperatriz aumentaram. As pessoas estão tão desconfiadas que acham que até as lâmpadas de led das ruas estão aumentando o gasto de energia”.

Adhemar Freitas Júnior (PSC) interrogou: “Gostaria de saber se o reajuste liberado pela Aneel é uma autorização ou imposição? Devido ao lucro exorbitante aumentam os valores sem critérios”.

Fabio Hernandez (PSC) conclamou a população a recorrer à Justiça contra o aumento da tarifa da energia: “Aqui estamos vendo aumentos abusivos, iremos entrar com 150 mil ações coletivas até a Cemar mostrar os seus reais interesses. Lucro exorbitante e aumento de 300% em algumas contas. Fica aqui o meu protesto e iremos dar resposta a esse abuso”.

“Má vontade e desrespeito, pois não foi feita a contestação jurídica, apenas não cumprem porque a empresa não quer, ou seja, a Cemar não cumpre a lei vigente. Esperávamos outra postura. A Cemar só veio aqui afirmar que está fazendo tudo o que aqui foi exposto e pior, vão continuar fazendo, um desrespeito à essa casa e ao estado democrático de direito”, afirmou o presidente da sessão, Aurélio Gomes. (Colaborou Sidney Rodrigues)

Pontos decididos na Audiência Pública

- Instalação de CPI

- Ação para suspensão de pagamento

- Solicitar o pedido para retirada da bandeira vermelha

- Cumprimento da lei do não corte nos fins de semana e em casas onde o proprietário não esteja

- Avaliação real das trocas de relógios

- Coleta de contas para apurar a real medição dos relógios junto ao Instituto de Metrologia do Maranhão

- Convocar um técnico especializado para calculo dos impostos

- Comissão de vereadores para cobrar da empresa o  resultado das audiências
 Fotos: Fábio Barbosa.
Texto: Assessoria Câmara de Imperatriz.

Homem é preso em ônibus de turismo com grande arsenal na BR 010

 Na manhã desta quinta feira policiais da Força Tática 1 e 2 abordaram um ônibus de turismo na BR 010 e prendeu um homem identificado por Mário dos Santos Trindade, 27 anos, com mesmo um grande arsenal.








O preso foi apresentado na Delegacia do 4° Distrito Policial  onde foram feito os procedimentos legais.
Veja abaixo a relação das apreensões.
   
 01 - PISTOLA CAL.40
01 - PISTOLA CAL.380
08 - CARREGADORES CAL.40
03 - CARREGADOES CAL.380
65 - MUNIÇÕES CAL.40
20 - MUNIÇÕES CAL.380
01 - COLETE BALISTICO
01- CAPA DE COLETE                                                              Fonte: Blog Noticia da foto
01- COLDRE
01- APARELHO CELULAR
01- MOCHILA PRETA


Três deputados maranhenses votam a favor de Temer na CCJ

Por 39 votos a 26, a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara aprovou nesta quarta-feira (18) o parecer que rejeita a denúncia apresentada pela PGR (Procuradoria-Geral da República) contra o presidente da República, Michel Temer (PMDB), e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência). Para ser aprovado, o parecer precisava da maioria simples dos votos.

O comportamento dos deputados na votação desta quarta-feira foi semelhante ao verificado na segunda votação da primeira denúncia contra Temer.

Os 66 deputados da comissão votaram. Temer é acusado pelos crimes de obstrução de Justiça e organização criminosa. Os ministros, por organização criminosa. O parecer foi elaborado pelo deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) e entregue na semana passada à comissão.

Três deputados maranhenses – Cléber Verde, Hildo Rocha e Juscelino Filho – que fazem parte da CCJ votaram a favor de Michel Temer, ou seja, pela rejeição da denúncia contra o presidente.

Ontem, os senadores maranhenses (Lobão, João Alberto e Roberto Rocha) já tinham votado a favor de Aécio Neves para que ele retornasse ao mandato.
Com informações do Blog do John Cutrim

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Câmara Municipal aprova nova lei do transporte coletivo

Vereadores aprovaram lei na sessão desta quarta-feira (18)
Com emendas, a Câmara Municipal de Imperatriz aprovou na sessão desta quarta-feira (18) a nova lei do Poder Executivo que trata sobre a organização do sistema de transporte coletivo público no Município. A matéria foi votada após intensos debates nas comissões técnicas da Casa.

O vereador João Silva (PRB) propôs à Mesa Diretora que a votação da matéria fosse adiada para a sessão da próxima terça-feira (24) em razão da ausência de seis vereadores - cinco estão em Brasília participando de seminário e buscando junto a deputados do Maranhão emendas parlamentares para Imperatriz e a vereadora Irmã Telma (Pros) encontra-se em recuperação após passar mal na tarde da última segunda-feira.

O líder do Governo, Hamilton Miranda, ponderou que havia quórum suficiente para votação do projeto e que a matéria já havia sido bastante discutida nas comissões técnicas da Casa, recebendo inclusive várias emendas.

A nova lei traz uma série de alterações sobre a competência do Poder Executivo de delegar em questões relacionadas ao sistema de transporte coletivo de passageiros, observando aspectos legais para concessão de serviços, combate ao chamado transporte clandestino de passageiros, além de competências da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Setran).


Aprovado, o projeto segue agora para sanção do prefeito Assis Ramos.
Texto: Carlos Gaby/Assimp
Foto: Fábio Barbosa/Assimp

Enfermeiros protestam contra liminar que restringe suas atividades

Lívia Bustamante, diretora do Sindicato dos Enfermeiros do Maranhão    
 Mais uma vez a Câmara de Vereadores de Imperatriz sai na frente entre os parlamentos municipais que encamparam a defesa dos trabalhadores brasileiros. Desta vez, o legislativo imperatrizense posicionou-se totalmente a favor da luta dos enfermeiros e técnicos de enfermagem que tiveram suas atividades restritas por força de uma liminar concedida pela Justiça em favor do Conselho Federal de Medicina (CFM) contra a União.

Na sessão desta quarta-feira (18), dezenas desses profissionais lotaram as galerias da Casa para participar da Tribuna Popular aberta para debater os efeitos da liminar no atendimento básico do sistema de saúde pública.

 Segundo a diretora do Sindicato dos Enfermeiros do Maranhão, Lívia Bustamante, a medida “fere os princípios do Sistema Único de Saúde no que tange ao acesso da população ao serviço público de saúde”.

“Ela [a liminar] suspende parcialmente a portaria ministerial 24 88, que regulamenta a política de atenção básica do país. A atenção básica é o instrumento que garante a acessibilidade a todos os brasileiros aos serviços públicos de saúde, que não se restringem apenas à população carente, mas a todos os cidadãos, sejam ricos ou pobres”, observou a dirigente sindical.

Segundo ela, “a lei [de 1986 que regulamentou a profissão] e a portaria do Ministério da Saúde” permitem aos enfermeiros exercerem as atividades vetadas pela liminar, como exames de rotina do pré-natal, de urina, hemograma e glicemia.

Para o diretor do Programa Municipal de Combate à Hanseníase, Francisco Cutrim, com a liminar esse tipo de atendimento primário às populações em áreas de consideradas de risco. “O Maranhão está entre os três estados com o maior número de casos de hanseníase. Os outros dois são Pará e Tocantins, nossos vizinhos. O programa dar os primeiros atendimentos às pessoas suspeitas de terem contraído a doença”, afirmou.

Moção de Protesto

Vários vereadores se posicionaram a favor da luta dos enfermeiros para reverter os efeitos da portaria. Entendem que a Atenção Básica e programas como Saúde da Família e o trabalho dos agentes comunitários de saúde serão bastante prejudicados.

O presidente da Casa, José Carlos Soares, que fez duro discurso defendendo os direitos dos enfermeiros, com anuência do Plenário quebrou o encaminhamento normal da sessão e logo após a Tribuna Popular colocou em votação o pedido de Moção de Protesto contra o posicionamento do Conselho Federal de Medicina.

A proposição de autoria do vereador Ricardo Seidel (Rede) foi aprovada por unanimidade. O protesto será encaminhado ao CFM, entidades médicas, sindicatos de enfermeiros, parlamentos municipais e aos deputados estaduais e federais do Maranhão.
Texto: Carlos Gaby/Assimp
Fotos: Fábio Barbosa/Assimp

Em Brasília, vereador Pedro Gomes luta por recursos para Imperatriz

Em busca de recursos para investimentos em obras que proporcionem mais qualidade de vida aos moradores dos bairros de Imperatriz, o vereador Pedro Gomes, PSC, acompanhado do deputado estadual Léo Cunha visita ministérios do Governo Federal, em Brasília.

“A carência da comunidade é por obras de pavimentação e ampliação dos serviços de saúde”, observou ele, que busca alocar verbas para o município investir no calçamento de ruas nos bairros da grande Vila Nova.

Ele diz que o prefeito Assis Ramos também corre atrás de recursos para construir equipamentos públicos, investir em drenagem profunda e pavimentação das ruas dos bairros.


Em Brasília, a comitiva formada ainda pelos vereadores Fábio Hernandez e Adhemar Júnior, foi recebida pelo deputado federal Hildo Rocha, PMDB-MA. Em pauta, a destinação de recursos para Imperatriz.​

Conferência Estadual do PCdoB reunirá comunistas de todo o MA para debate sobre situação política nacional

Comunistas de todo o estado se reunirão em São Luís, nos dias 20 e 21 de outubro, para participar da Conferência Estadual do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) no Maranhão. O objetivo do evento é ampliar os debates sobre a atuação do partido e dos correligionários maranhenses diante a atual situação política nacional.

Com o tema “Em defesa da nação, da democracia, do desenvolvimento e dos direitos sociais”, a Conferência Estadual do PCdoB no Maranhão será aberta na próxima sexta-feira (20), a partir das 18h, no Espaço Renascença. No sábado (21), às 8h, os debates serão retomados, dessa vez no Auditório Fernando Falcão, da Assembleia Legislativa do Maranhão.

O evento no Maranhão funcionará como encontro preparatório para o 14º Congresso Nacional do partido, a ser realizado entre os dias 17 e 19 de novembro, em Brasília. A conferência estadual servirá ainda como debate local das teses definidas pela direção nacional do partido. Essas teses devem orientar - após amplo e democrático debate durante o 14º Congresso Nacional - a ação partidária nos próximos quatro anos.

Durante a conferência também será eleita a nova direção estadual do PCdoB e serão definidos os delegados e delegadas estaduais do partido que representarão o Maranhão na 14ª Conferência Nacional da sigla em Brasília.
Na ocasião, serão debatidas as perspectivas do partido para as eleições de 2018, cujo maior projeto é a reeleição do governador Flávio Dino. Os debates devem definir ainda como o partido atuará na campanha proporcional para ampliar a participação do PCdoB maranhense no Congresso Nacional.

Para o presidente estadual do PCdoB no Maranhão, Márcio Jerry, o evento é importante para organização dos integrantes da agremiação e decisivo para os projetos políticos do partido para as eleições do ano que vem.
 
“Momento de reforço da nossa organização partidária e do projeto de mudanças liderado pelo governador Flávio Dino. Já estamos em contagem regressiva para uma nova vitória do povo ano que vem reelegendo Flávio Dino e ampliando nossas bancadas e dos aliados”, destacou Jerry.

O ato de abertura da conferência contará com a presença do governador Flávio Dino, bem como a participação de presidentes de partidos, deputados estaduais e federais, prefeitos e vices, vereadores, além de lideranças de todo o estado.

Etapa Nacional

O 14º Congresso Nacional do PCdoB reunirá militantes de todo o Brasil para discutir novos rumos para o país. A etapa nacional do congresso pretende construir caminhos para restaurar a democracia e pôr em prática um projeto nacional de desenvolvimento, que fortaleça a nação, a democracia e o desenvolvimento, protegendo e recompondo os direitos sociais, além de conter a violência e combater a corrupção.

SERVIÇO

O quê: Conferência Estadual do PCdoB-MA: em defesa da nação, da democracia, do desenvolvimento e dos direitos sociais.

Quando: 20 e 21 de outubro.

Onde: Em São Luís, no Espaço Renascença e no Auditório Fernando Falcão (Assembleia Legislativa do Maranhão).

Garota de 13 anos com problemas metais é vitima de estupro de vulnerável Bairro Vila Macedo

O idoso de 82 anos, Raimundo Martins de Sousa, foi atuado em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável, a vitima foi uma garota de 13 anos com problemas metais, a menor mora próximo aa casa do acusado, o caso aconteceu na Rua Castelo Branco, Bairro Vila Macedo, populares viram a menor entrar na residencia, onde minutos depois arrebentaram a porta da residencia e viram o idoso só de cueca.

A menor foi encontrada pelada dentro do quarto, segundo populares os vizinhos já desconfiavam porque a garota ia sempre com frequência na casa do idoso, uma pessoa que viu os moradores revoltados em frente a casa  do acusado, logo ligaram para CIOPS, que de imediato mandou uma viatura ao local, impedindo que populares agredisse o idoso, o acusado foi preso e apresentado na Delegacia da Criança e Adolescente.

O Delegado Fairlando, fez o flagrante do acusado, a garota foi levada para delegacia acompanhada dos Conselheiros Tutelares da Área 1, a menor informou ao delegado que Raimundo Martins era bom para ela, o mesmo teria tirado a roupa dela, tendo pego nas partes em sua partes intimas e depois mandou ela deitar na cama.Fonte: Blog Noticia da foto

Audiência pública nessa quinta-feira, (19) debaterá tarifas cobradas pela Cemar

Presidente da Câmara Municipal, José Carlos Soares, 
criticou duramente a Cemar      
 A Companhia Energética do Maranhão (Cemar), concessionária de energia elétrica que cobra uma das mais altas tarifas do Brasil, é a bola da vez nas manifestações de protesto da sociedade maranhense. Nesta quinta-feira (19), a Câmara de Vereadores de Imperatriz realizará sessão de audiência pública para debater o assunto com a empresa, trabalhadores do setor elétrico, Ministério Público e consumidores.

A audiência pública é uma das mais esperadas do ano legislativo. A previsão da Comissão do Consumidor, Direitos Humanos e Gênero - que presidirá a sessão - é de que a galeria e os corredores fiquem lotados na manhã desta quinta.

No dia 28 de agosto, a Cemar conseguiu junto à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) reajustar suas tarifas em 12.88%. O reajuste caiu como uma bomba e as contas de luz dos consumidores foram às alturas. A empresa atende cerca de 2,3 milhões de consumidores no Maranhão.

Desde o início de setembro, os vereadores vêem recebendo centenas de denúncias de abuso na cobrança das tarifas de energia. Nem mesmo consumidores de baixa foram poupados.

“É um absurdo uma empresa ter um estado inteiro como refém e não se toma nenhuma providência. Todos nós estamos sofrendo com esse absurdo na cobrança das contas de luz. A ‘dona’ Cemar deve explicações à sociedade maranhense”, protesta o vereador Aurélio Gomes (PT), membro da comissão.

Moção de Protesto

 No último dia 5 de outubro, a Comissão do Consumidor, Direitos Humanos e Gênero realizou audiência pública para debater a proposta de privatização do governo Temer do sistema Eletrobras.

Na ocasião, todos os vereadores e os trabalhadores do setor elétrico se posicionaram contra a privatização.

Na sessão desta quarta-feira (18), o Plenário aprovou Moção de Protesto, de autoria do vereador Aurélio Gomes, contra o presidente Michel Temer pela tentativa de privatização do setor elétrico brasileiro.
Texto: Carlos Gaby/Assimp
Foto: Fábio Barbosa/Assimp

Senado começa a debater licença para compra e porte de armas.

O Senado começou nesta terça-feira a fazer uma consulta pública on-line sobre um projeto de lei que autoriza a aquisição e o porte de armas no Brasil. Até agora, mais de 61,6 mil pessoas apoiaram a proposta, enquanto 6,8 mil se manifestaram contra. A proposta chegou na segunda-feira à Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) da Casa. O texto (PL 378/2017), de autoria do senador Wilder Morais (PP-GO), propõe o Estatuto do Armamento e foi protocolado no Senado no momento em que o tema vem ganhando projeção nos discursos do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), provável candidato à Presidência da República.
O projeto de lei visa a facilitar a posse, compra e a circulação de armas no território nacional e, na prática, revoga o Estatuto do Desarmamento (lei 10.823/2013). Para o parlamentar, a legislação em vigor “tem falhado de forma acachapante”, desarmou “cidadãos de bem” e “atingiu em cheio inúmeras outras atividades que demandam a utilização de armas de fogo, tais como a prática desportiva”.
“As políticas públicas implementadas nas últimas décadas – sendo a mais notória a política de desarmamento civil – tem falhado de forma acachapante no que tange à redução dos índices de criminalidade”, escreveu Morais. “É importante destacar que, após dez anos de promulgação do Estatuto do Desarmamento, não há quaisquer dados objetivos que apontem no sentido da redução dos índices de violência. Pelo contrário". Ainda em sua justificativa, Morais argumenta que os estados com o maior número de armas registradas são os que possuem as menores taxas de homicídio. “Desde a entrada em vigor daquela lei [Estatuto do Desarmamento], o número total de homicídios no Brasil apresentou um aumento de 20%, atingindo a preocupante marca de 60.000 em 2016”, diz o senador.
Participe da enquete online no site do Senado Federal, clicando no link a seguir https://www12.senado.leg.br/ecidadania/principalmateria e dê seu voto nos dois projetos que estão em exame no Senado Federal para permitir que os cidadãos brasileiros possam se defender e a sua família.
PLS 378/2017
PROJETO DE LEI DO SENADO nº 378 de 2017
Ementa
Dispõe sobre a fabricação, importação, comercialização, registro, posse e porte de armas de fogo e munição em todo o território nacional.
Explicação da Ementa
Institui o Estatuto do Armamento, para disciplinar a fabricação, importação, comercialização, registro, posse e porte de armas de fogo e munição no território nacional.
PDS 175/2017
PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO (SF) nº 175 de 2017
Ementa


Convoca plebiscito sobre a revogação do Estatuto do Desarmamento.
Fonte: Blog Folha de cuxa

Em vídeo Marineide Alburqueque, tia da enfermeira que faleceu com meningite fala sobre o caso

O vídeo foi gravado pelo Blogueiro Duduzão do Asmoimp hoje pela manha na câmara municipal de Imperatriz.

Feliz Dia do Médico parabéns Dr. Ulysses De Oliveira Sousa

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, área interna
Que Deus abençoe tuas mãos
que amenizam a dor e curam as feridas.

Que Deus abençoe tua vida,
tua família e tua morada,
hoje e sempre,
para que possas,
por longo tempo,
sanar a dor que sangra nas casas,
nas ruas e nos leitos dos hospitais.

Que Deus continue a guiar tuas mãos
e a encher de amor teu coração
para que sejas sempre o caminho
da bondade e da esperança
para aqueles que em tuas mãos depositam suas vidas.

Pela dedicação,
amor e carinho
com que segues a jornada
que escolheste para tua vida,


Parabéns pelo teu dia, Doutor!

Rapaz é baleado no Parque das Mangueiras e morre após dar entrada no Socorrão

 Por volta das 23hrs um homem foi vítima de disparos de arma de fogo na Rua São Francisco, próximo a Escola Madalena de Canossa, Bairro Parque das Mangueiras, a vítima estava de bicicleta quando foi alvejado, a Rotam 01 esteve no local colhendo informações, a Equipe USA do Samu fez os primeiros  atendimentos médicos e encaminhada para Socorrão.


A vítima de aproximadamente 30 anos não  resistiu e veio a óbito após dar entrada no Socorrão, ele foi alvejado com um disparo nas costura e outras na perna direita, até a meia noite ele não tinha sido identificado, não portava nenhum documento,estava apenas com uma chave e uma bicicleta, esse foi quarto homicídio registrado no mês de outubro em Imperatriz.
 Fonte: Blog Noticia da foto



terça-feira, 17 de outubro de 2017

Vereadores de Imperatriz cumprem agenda em Brasília em busca de recursos

Uma comitiva de cinco vereadores, composta por

Bebé Taxista e Ditola, Fabio Hernandes, Pedro Gomes e Adhemar Freita Junio, foram recebidos pelo deputado federal Júnior Marreca (PEN), nesta terça-feira.

Os vereadores buscam emendas parlamentar carimbadas para a cidade de Imperatriz, ainda durante a visita dos vereadores, o deputado federal Júnior Marreca, adiantou que está liberando a emenda de um milhão e meio, para a reforma e adequação das instalações do IFMA.

Os vereadores foram convidados pelo deputado Júnior Marreca, a percorrer alguns ministérios do governo.


Além dos vereadores, o prefeito de Imperatriz De Assis também foi a Brasília nesta terça-feira, ele visita a base dos deputados 'aliados' em busca de um  aporte capital antes do final do ano.
http://www.paulonegrao.com.br

Senadores do Maranhão salvam Aécio Neves

O plenário do Senado derrubou, nesta terça-feira (17), as medidas cautelares (suspensão do mandato e recolhimento noturno) impostas pela 1ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) ao senador Aécio Neves (PSDB-MG), no último dia 26 de setembro.

Votaram pela derrubada das medidas contra Aécio Neves 44 senadores, e a favor da manutenção delas 26 parlamentares.

Para reverter a determinação de Justiça, de afastar o tucano do mandato e de impor a ele recolhimento noturno, eram necessários ao menos 41 votos contra a determinação do Supremo entre os presentes.

A análise no Senado ocorreu após o Supremo ter decidido, na semana passada, que as medidas cautelares impostas a parlamentares precisam passar pelo crivo do Congresso.

Por determinação do ministro Alexandre de Moraes, do STF, a votação foi aberta.

Aécio Neves é alvo de denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal ao STF por corrupção passiva e obstrução de Justiça.

Esta é a segunda vez que ele é afastado do mandato este ano.

Em março, ele foi gravado pelo empresário Joesley Batista, da JBS, pedindo R$ 2 milhões e fazendo críticas às investigações conduzidas pela Polícia Federal.

Os três senadores da bancada do Maranhão – Edison Lobão (PMDB), João Alberto (PMDB) e Roberto Rocha (PSDB, partido de Aécio) – votaram pela derrubada da decisão do Supremo, que afastou Aécio Neves.

DISCUSSÃO

A sessão foi aberta por volta das 17 horas. A fase de discussão sobre o caso durou cerca de duas horas. Dez senadores falaram na tribuna - cinco contrários à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) e outros cinco favoráveis.

Falaram contra a decisão do STF os parlamentares Jader Barbalho (PMDB-PA), Telmário Mota (PTB-RR), Antonio Anastasia (PSDB-MG), Roberto Rocha (PSDB-MA) e Romero Jucá (PMDB-RR). Álvaro Dias (PODE-PR), Ana Amélia (PP-RS), Humberto Costa (PT-PE), Randolfe Rodrigues (REDE-AP) e Reguffe (Sem partido-DF) foram favoráveis ao afastamento.

VEJA COMO VOTARAM OS SENADORES

SIM (CONTRA AÉCIO)
Acir Gurgacz (PDT-RO)
Alvaro Dias (PODE-PR)
Ana Amélia (PP-RS)
Ângela Portela (PDT-RR)
Antonio Carlos Valadares (PSB-SE)
Fátima Bezerra (PT-RN)
Humberto Costa (PT-PE)
João Capiberibe (PSB-AP)
José Medeiros (PODE-MT)
José Pimentel (PT-CE)
Kátia Abreu (PMDB-TO)
Lasier Martins (PSD-RS)
Lídice da Mata (PSB-BA)
Lindbergh Farias (PT-RJ)
Lúcia Vânia (PSB-GO)
Magno Malta (PR-ES)
Otto Alencar (PSD-BA)
Paulo Paim (PT-RS)
Paulo Rocha (PT-PA)
Randolfe Rodrigues (REDE-AP)
Regina Sousa (PT-PI)
Reguffe (S/PARTIDO-DF)
Roberto Requião (PMDB-PR)
Romário (PODE-RJ)
Ronaldo Caiado (DEM-GO)
Walter Pinheiro (S/PARTIDO-BA)

NÃO (A FAVOR DE AÉCIO)
Airton Sandoval (PMDB-SP)
Antonio Anastasia (PSDB-MG)
Ataídes Oliveira (PSDB-TO)
Benedito de Lira (PP-AL)
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)
Cidinho Santos (PR-MT)
Ciro Nogueira (PP-PI)
Dalirio Beber (PSDB-SC)
Dário Berger (PMDB-SC)
Davi Alcolumbre (DEM-AP)
Edison Lobão (PMDB-MA)
Eduardo Amorim (PSDB-SE)
Eduardo Braga (PMDB-AM)
Eduardo Lopes (PRB-RJ)
Elmano Férrer (PMDB-PI)
Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE)
Fernando Collor (PTC-AL)
Flexa Ribeiro (PSDB-PA)
Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN)
Hélio José (PROS-DF)
Ivo Cassol (PP-RO)
Jader Barbalho (PMDB-PA)
João Alberto Souza (PMDB-MA)
José Agripino (DEM-RN)
José Maranhão (PMDB-PB)
José Serra (PSDB-SP)
Maria do Carmo Alves (DEM-SE)
Marta Suplicy (PMDB-SP)
Omar Aziz (PSD-AM)
Paulo Bauer (PSDB-SC)
Pedro Chaves (PSC-MS)
Raimundo Lira (PMDB-PB)
Renan Calheiros (PMDB-AL)
Roberto Rocha (PSDB-MA)
Romero Jucá (PMDB-RR)
Simone Tebet (PMDB-MS)
Tasso Jereissati (PSDB-CE)
Telmário Mota (PTB-RR)
Valdir Raupp (PMDB-RO)
Vicentinho Alves (PR-TO)
Waldemir Moka (PMDB-MS)
Wellington Fagundes (PR-MT)
Wilder Morais (PP-GO)
Zezé Perrella (PMDB-MG)

AUSENTES
Armando Monteiro (PTB-PE)
Cristovam Buarque (PPS-DF)
Gladson Cameli (PP-AC)
Gleisi Hoffmann (PT-PR)
Jorge Viana (PT-AC)
Ricardo Ferraço (PSDB-ES)
Rose de Freitas (PMDB-ES)
Rose de Freitas (PMDB-ES)
Sérgio Petecão (PSD-AC)
Vanessa Grazziotin (PCDOB-AM)

PRESIDENTE


Eunício Oliveira (PMDB-CE)
Fonte: Blog Gilberto lima

Homem e preso por policiais da SENARC dentro em ônibus que fazia a linha Imperatriz/João Lisboa transportando maconha

A Polícia Civil, através da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico de Imperatriz/MA - SENARC/ITZ, dando continuidade às operações de abordagens a veículos de transporte coletivo, vem, desde o último domingo (15), realizando vistorias em diversos ônibus nas cidades de Açailândia, Imperatriz e Joao Lisboa.

Na data de hoje, terça-feira (17), por volta das 15h, no decorrer de abordagem a um ônibus intermunicipal que fazia a linha Imperatriz/Joao Lisboa, localizaram Antônio Amaral da Silva, o qual viajava com destino à cidade de João Lisboa e trazia consigo uma sacola de papelão. Ao ser abordado, demonstrou estar muito nervoso, momento em que foi pedido para que abrisse a sacola, tendo sido encontrado, aproximadamente, 1/2 kg (meio quilo) do entorpecente MACONHA.


Tendo em vista que a abordagem foi realizada na cidade de João Lisboa/MA, o conduzido foi encaminhado até a delegacia da Comarca, onde foi autuado em flagrante delito pelo crime de tráfico de drogas.
Fonte: Blog Falando serio bacabal

SERVIÇO Ambulantes da Beira Rio serão realocados na Praça Mané Garrincha

60 profissionais foram cadastrados e terão espaço garantido para trabalhar

Nesta terça-feira, 17, os secretário municipais de Planejamento Urbano, Fidelis Uchôa, e Governo, Marlon Moura reuniram-se com os vendedores ambulantes da Avenida Beira Rio, que agora se encontra interditada para obras. O objetivo do encontro foi esclarecer os profissionais sobre onde eles irão trabalhar durante o período de obra.

Fidelis Uchôa ressalta que “a gestão do prefeito Assis Ramos tem o compromisso com esses profissionais, e nós pensamos na melhor forma de acomodá-los em outro local, para que não sejam prejudicados e continuem com suas atividades para o sustento da família”.

De acordo com informações da coordenadora de Postura, Maiara Nascimento, os vendedores serão realocados na Praça Mané Garrincha, até a conclusão da reforma. “Será feita uma demarcação na Praça e será feito um sorteio para a localização de cada barraca. Nós iniciaremos esse trabalho a partir de hoje, para que até o final de semana eles passem a trabalhar regularmente na praça Mané Garrincha”, informou.

Marlon Moura lembra que “é papel da gestão servir à população e para isso, busca resguardar o direito de cada cidadão. A medida vai garantir que essas pessoais não fiquem sem sua fonte de renda durante esse período”.


A medida beneficiará 60 ambulantes que terão novo espaço para comercializar seus produtos, comidas típicas, brinquedos e etc. Os apreciadores das delícias da Beira Rio podem procurar os serviços na Praça. Os profissionais irão trabalhar no mesmo horário em que trabalhavam na Avenida, no final da tarde e durante a noite. Na reunião ficou acorda a transferência imediata.

Câmara Municipal realiza audiência para apresentação do relatório orçamentário do Fundo de Saúde

Secretário municipal de Saúde, Alair Firmiano, durante
apresentação do relatório de execução orçamentária        
 A Câmara Municipal de Imperatriz realizou na manhã desta terça-feira (17) audiência pública para apresentação do relatório de execução orçamentária do Fundo Municipal de Saúde referente ao segundo quadrimestre de 2017, conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e a Lei Complementar 141/12.

A sessão foi dirigida pela vereadora Terezinha Soares (PSDB), presidente da Comissão Permanente de Saúde e Assistência Social. Por quase três horas, os vereadores ouviram e sabatinaram o secretário de Saúde do Município, Alair Firmiano.

O secretário fez exposição das receitas e despesas realizadas entre janeiro e agosto deste ano. Da previsão da receita total de pouco mais de R$ 164 milhões, a pasta já realizou 46%, cerca de R$ 76 milhões.                                                                  

Nas despesas previstas de R$ 197 milhões foram empenhados até o mês de agosto R$ 167 milhões e liquidados R$ 122 milhões.

Os maiores investimentos continuam na atenção básica, com R$ 24 milhões liquidados (69%) dos R$ 36 milhões previstos para o ano.

Avanços

 O secretário admitiu que o Município ainda enfrenta dificuldades para aumentar seus investimentos em saúde, mas afirmou que houve avanços. Disse que, apesar da admissão de quase 700 novos servidores, os gastos com pessoal estão dentro do controle da secretaria.

Declarou que a determinação do prefeito Assis Ramos é concluir todas as obras deixadas pela administração passada, citando como exemplos os postos de saúde do Parque Buriti e do Conjunto Vitória.

Afirmou que houve aumento no número de leitos de UTI´s e que a secretaria dobrou o número de médicos no setor de ortopedia e traumatologia.

Sobre a pactuação com outros municípios, principalmente de estados vizinhos, Alair Firmiano afirmou que é um processo muito difícil. “Ainda não conseguimos porque o processo é difícil, basta ver que outros prefeitos tentaram e não conseguiram. Como o processo é tripartite, é necessário que os estados acertem essa pactuação”, declarou.

O secretário lamentou a decisão da Justiça que concedeu ao Conselho Federal de Medicina liminar proibindo alguns procedimentos dos enfermeiros. “Temos mais de 300 enfermeiros. Nem teríamos como contratar esse número de médicos, porque acho que nem a cidade tem esse número que pudesse atender na rede pública. Estamos conversando para encontrar uma saída. Os enfermeiros podem realizar alguns procedimentos na atenção básica, aonde são muito importantes”, afirmou.
Texto: Carlos Gaby/Assimp
Foto: Fábio Barbosa/Assimp

SEIC PRENDE UM DOS MAIORES PISTOLEIROS NO NORDESTE

 Operação da Polícia Civil- MA por intermédio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais - SEIC prendeu no bairro cohab anil, São Luís, Marcus Vinicius Feitosa de Castro, 40 anos, natural de Picos-PI, em cumprimento ao mandado de prisão expedido pela Primeira Vara do Tribunal do Júri de Teresina-PI e na posse de armas de fogo.

Marcus é acusado de pistolagem na região de Pio IX - PI e Fronteiras, sendo que no dia 29.04.2002 executou o servidor da secretaria da Fazenda do PI, Antônio Gernasio de Alencar, quando deixava os três filhos no Colégio mérito D'martone, localizado em Teresina, bem como na época o serviço de Inteligência da Polícia Civil do Piauí descobriu um plano de morte contra o Delegado da PC-PI, Bonfim Filho, que investigava o crime organizado.
Após as formalidades legais Marcus foi encaminhado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem de São Luís onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário.
Fonte: blog Falando serio bacabal

Vereadora Irmã Telma é internada com principio de infarto

IMPERATRIZ – A vereadora de primeiro mandato Maria Telma de Sousa Rocha  Silva deu entrada as pressas na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital da Unimed, e posteriormente transferida para o Hospital Santa Mônica, na tarde desta terça-feira (17).

A vereadora Irmã Telma, como é mais conhecida, sofreu um princípio de infarto. O caso ganhou as redes sociais, na tarde de hoje, onde internautas pediam correntes de oração em prol da saude da parlamentar que integra a Comissão Permanente de Saúde e Assistência Social.

O presidente da Câmara, José Carlos Soares, logo que tomou conhecimento passou a apoiar a família e acompanhar o caso.
Logo mais informações do caso.

Fonte:Maranhão Noticias.

Professor que enviava vídeos e fotos pornográficos pelo Whatsapp para aluna de 14 anos é autuado por pedofilia

O professor José Erivan Moura Sousa, foi autuado em flagrante por pedofilia, Artigo 241 A e D, Estatudo da Criança e Adolescente (ECA) Lei 8069/90, o flagrante foi feito pelo Delegado de Plantão, Jackson Farias de Jesus, na noite de segunda feira(16) Outubro de 2017, na manhã de terça feira (17) o professor foi levado para Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz(UPRI 2).

O professor José  Erivan que reside no município de Davinópolis, foi preso acusado de pedofilia, prisao feita por policiais militares comandado pelo Sargento Alves e Cabo De Jesus, na Avenida Davi Alves Silva, por volta das 23hrs, a Guarnição tinha sido informada por Conselheiros sobre uma denuncia de aliciamento de garota de 14 anos de idade, a adolescente e os pais estavam no Conselho Tutelar.

Foram constatados fotos, vídeos e conversas de Whatsapp no celular da adolescente, enviadas pelo Professor, o pai se passando pela filha, marcou um encontro com o Professor,  os policiais fizeram campana até a chegada do acusado ao local combinado.

Quando o professor chegou os PMs abordaram o mesmo dando voz de prisão, foi apreendido o celular do mesmo, na residência do mesmo foi apreendida uma CPU VCS Info. MEC/SEED Pregão: FNDE 71/2010, tanto celular e a CPU e o acusados foram apresentados no Plantão Central da 10 Delegacia Regional de Segurança, tanto celular e a CPU serão periciados e os laudos encaminhados para Justiça.   

De acordo com Lei 8069/90 a pena do Artigo 241 Á, reclusão, de 3 (três) a 6 (seis) anos, e multa. (Incluído pela Lei nº 11.829, de 2008) já Artigo 241 D, pena é reclusão, de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa. (Incluído pela Lei nº 11.829, de 2008)

Fonte: blog Noticia da foto